Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade Sugestão de leitura | Fórum Sobre Medicalização da Educação e da Sociedade

Sugestão de leitura

Vídeos na Internet

 

 

Artigos

Livros

  • VIEIRA, E. M. A medicalização do corpo feminino. Rio de Janeiro: Fiocruz, 2002.

    http://www.redehumanizasus.net/59209-humanizacao-do-conceito-sintoma-ao-conceito-experiencia

  • “A Tragicomédia da Medicalização – A Psiquiatria e a morte do sujeito” – José Ramos Coelho ( ed. Sapiens, Natal – RN, 2012 ).
  • “O Normal e o Patológico” – Georges Canguilhem ( estava esgotado, mas foi reeditado há pouco tempo, não sei os dados de editora, etc )
  • “História da Loucura” – Michel Foucault
  • “Psicologia” – revista da faculdade de psicologia da PUC – volume 17 ( São Paulo, 2008 )
    Especialmente os artigos:
    “O Encontro nos grupos: efeitos de um conceito-ferramenta para o dispositivo grupal” e
    “A Clínica grupal com adolescentes e jovens – uma clínica de afetabilidade”
  • AGAMBEN, G. Homo sacer. O poder soberano e vida nua. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2002.
  • AGUIAR, A. A. A psiquiatria no divã: entre as ciências da vida e a medicalização da existência. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2004.
  • CASTEL, R. A ordem psiquiátrica: a idade de ouro do alienismo. Rio de Janeiro: Graal, 1978.
  • A gestão dos riscos. Da antipsiquiatria à pós-psicanálise. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1987.
  • CANGUILHEM, G. O normal e o patológico. Rio de Janeiro: Forense-Universitária, 2ª ed. Brasileira. 1982
  • FOUCAULT, M. Microfísica do Poder. Rio de Janeiro: Graal, 1979.
  • Vigiar e Punir. Rio de Janeiro: Graal, 1984.
  • A verdade e as forma jurídicas. Rio de Janeiro: NAU, 1996.
  • Os anormais. São Paulo: Martins Fonte, 2001.
  • “A evolução da noção de ‘Indivíduo Perigoso’ na psiquiatria legal do séc. XIX”. In: MOTTA, M. B. (org) Ditos e Escritos V. Ética, Sexualidade, Política. Rio de Janeiro, Forense Universitária, 2004.
  • O nascimento da clínica. Rio de Janeiro: Forense-Universitária. 2ª ed. Brasileira. 1980
  • O sujeito e o poder. In DREYFUS, H & RABINOW, P. (Orgs.), Michel Foucault: uma trajetória filosófica – para além do estruturalismo e da hermenêutica (pp. 231-249). Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1985.
  • A loucura e a sociedade. In M. B. MOTTA (Org.), Ditos & Escritos I (pp. 259-267). Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2002.
  • Em defesa da sociedade. São Paulo: Martins Fontes, 2002.
  • GOFFMAN, E. Manicômios, prisões e conventos. São Paulo: Perspectiva, 1974.
  • MACHADO, R; LOUREIRO, A; LUZ, R e MURICY, K. Da(n)ação da norma: medicina social e constituição da psiquiatria no Brasil. Rio de Janeiro: Graal, 1978.
  • RAUTER, C. Criminologia e Subjetividade no Brasil. Rio de Janeiro: Revan, 2003.
  • ROMERO, M. Medicalização da saúde e exclusão social. Bauru; Editora da Universidade do Sagrado Coração/ EDUSC, 2002.

Teses e Dissertações

  • BENTES, A L. Tudo como dantes no quartel d’Abrantes: estudo das internações psiquiátricas de crianças e adolescentes através de encaminhamento judicial. Dissertação de Mestrado, Rio de Janeiro, Escola Nacional de Saúde Pública, Fundação Osvaldo Cruz, 1999.
  • DINIZ, A. P. O discurso psicológico nos pareceres de adolescentes com Medida Judicial de Internação. Rio de Janeiro: Dissertação de Mestrado, Escola Nacional de Saúde Pública, Fundação Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde, 2001.
  • GUARIDO, R. L. “O que não tem remédio, remediado está”: medicalização da vida e algumas implicações da presença do saber médico na educação. Dissertação (Mestrado em Educação) FEUSP. São Paulo, 2008.
  • MONTEIRO, H. R. (2006) Medicalização da vida escolar. Dissertação de Mestrado em Educação. Centro de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Disponível em: http://www.int.gov.br/docman/autismo/medicalizac%C3%A3o-da-vida-escolar/download-2

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.