Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade Reportagens – Página: 3 – Fórum Sobre Medicalização da Educação e da Sociedade

Category Archives: Reportagens

Matéria publica no Jornal da Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Governo do Estado de São Paulo

Uso de Ritalina causa “efeito zumbi” em crianças No encontro “A Medicalização em Crianças e Adolescentes e o Uso de Drogas”, a Coordenação de Políticas sobre Drogas (Coed), da Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, propôs um debate sobre uso excessivo de Metilfenidato, componente do medicamento Ritalina. Em crianças, a droga é prescrita para tratar alguns transtornos e, em jovens, para aumentar a concentração nos estudos.Presentes no encontro, a pediatra Maria Aparecida Moysés e a pedagoga Cecília Azevedo Lima Collares, ambas da Universidade…

Leia mais >>

PROFESSORA DOUTORA EM PSICOLOGIA EDUCACIONAL FALA SOBRE MEDICALIZAÇÃO

Esta semana, para o quadro “Na ordem do dia” , a equipe da Secom/CPP foi ao Instituto de Psicologia da USP entrevistar a professora doutora Marilene Proença, há 34 anos atuante como especialista em psicologia educacional. Na matéria, a Dra. Marilene aponta a diferença entre a medicalização como um problema coletivo a uma questão médica. Enfoca o nível de estresse elevado do professor e a automedicação.

Leia mais >>

MEDICINA NÃO É MERCADO! SAÚDE NÃO É MERCADORIA!!

A QUEM INTERESSA COMBATER A VIDA? Se você costuma adiar trabalhos chatos ou difíceis… Se você tem dificuldade para relaxar nos raros momentos em que consegue uma brecha nesta sua vida competitiva e produtivista… Se seu filho não pára quieto na sala de aula, apesar de ficar horas no videogame e chegar facilmente às últimas fases do jogo… Se sua filha de 7 anos é muito apegada a você, evita ficar longe dos pais ou tem medo do escuro… Se você chorou (mesmo que sem lágrimas) a perda de um…

Leia mais >>

O florescente mercado das “desordens psicológicas”

por Olivier Appaix – Le Monde Diplomatique – Edição 53 – Dezembro 2011. Surgido há 50 anos, o uso de antipsicóticos, a despeito de seus pobres resultados, tornou-se maciço na medicina psiquiátrica norte-americana. Na população geral, 1.100 pessoas (850 adultos e 250 crianças) se unem todos os dias à lista dos destinatários da ajuda financeira federal por motivo de problema mental severo Criada em 2008, em Denver (Colorado), a empresa de exames médicos de imagem CereScan pretende diagnosticar os problemas mentais por meio de imagens do cérebro.…

Leia mais >>