Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade Reportagens – Página: 2 – Fórum Sobre Medicalização da Educação e da Sociedade

Category Archives: Reportagens

A PSICOFOBIA E O TDAH

  A psicofobia é um transtorno muito comum hoje em dia, especialmente no público dos especialistas ou dos que pretendem diagnosticar o TDAH. Seu sintoma básico é o temor (fobia) do sujeito (psique = alma, mente), expresso no enquadramento e silenciamento daqueles que, ao receberem o veredicto de “transtornados” ou “hiperativos”, são sentenciados e condenados através de um diagnóstico. A condenação e silenciamento dos sujeitos se realiza através da alegação de que há alterações na circulação de dopamina, catecolamina ou noradrenalina nos cérebros das pessoas…

Leia mais >>

Estadão: Campanha alerta para uso excessivo de remédios para melhorar na escola

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados discutiu nesta última quarta, 11, o uso excessivo de remédios por crianças e adolescentes com dificuldades de aprendizado ou de comportamento na escola. A reunião marcou o início da campanha Não à Medicalização da Vida, encabeçada pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP) e pelo Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade. Foram apresentados dados à comissão que, em 2000, eram consumidas 70 mil caixas de medicamentos para o tratamento de distúrbios relacionados à…

Leia mais >>

RedeTV News – Campanha visa evitar abuso de remédios contra ansiedade infantil

Preocupados com o excesso de medicamentos contra distúrbios, como o transtorno de déficit de atenção e a hiperatividade das crianças, a Comissão de Direitos Humanos e o Conselho Federal de Psicologia começaram uma campanha contra o abuso desse tipo de substância. Acesse: http://www.redetv.com.br/portal/jornalismo/redetvnews/videos.aspx?278282,Campanha-visa-evitar-abuso-de-remedios-contra-ansiedade-infantil  Publicado em 16/07/2012 21h03

Leia mais >>

Reportagem g1.com – Campanha reacende debate sobre excesso de remédios para crianças

Campanha reacende debate sobre excesso de remédios para crianças Conselho Federal de Psicologia propõe ‘Não à medicalização da vida’. Especialistas apontam prós e contras de medicação contra hiperatividade. Publicado em: 13/07/2012 17h42 – Atualizado em 16/07/2012 07h51 Uma campanha nacional chamada “Não à medicalização da vida”, lançada esta semana na Câmara dos Deputados pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP), reacende as discussões sobre o excesso de diagnóstico de hiperatividade em crianças e adolescentes e o uso indiscriminado de remédios, que deixa o Brasil atrás apenas dos EUA…

Leia mais >>

Comissão da Câmara discute a “medicalização da vida”

Deputados recebem especialistas que criticam o crescente diagnóstico de transtornos mentais Duração: 2’53” [audio:http://medicalizacao.com.br/wp-content/uploads/2012/07/2012_07_10_ComissaodaCamaradiscuteamedicalizacaodavida.mp3] LOC/REPÓRTER: A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados recebe, nesta quarta-feira, especialistas que condenam o crescente diagnóstico de transtornos mentais, com a indicação de remédios. A audiência, marcada para as duas da tarde, servirá, também, para o lançamento da campanha “Não à Medicalização da Vida”, organizada pelo Conselho Federal de Psicologia. O conselho é ligado ao Fórum Sobre a Medicalização da Educação e da Sociedade, que tenta…

Leia mais >>

Campanha alerta para uso excessivo de medicamentos para melhorar desempenho na escola

Carolina Sarres Da Agência Brasil, em Brasília A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados discutiu hoje (11) o uso excessivo de remédios por crianças e adolescentes com dificuldades de aprendizado ou de comportamento na escola. A reunião marcou o início da campanha Não à Medicalização da Vida, encabeçada pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP) e pelo Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade. De acordo com a conselheira do CFP, Marilene Proença, medicalização é todo tratamento de processos ou comportamentos…

Leia mais >>

Reportagem do Estado de Minas: crescimento do consumo de metilfenidato

Uso de drogas contra déficit de atenção explode e ameaça a saúde de milhões de crianças Explode no Brasil o consumo de medicamento para tratar o transtorno de déficit de atenção e hiperatividade. Em nove anos, a venda subiu de 71 mil caixas para 2 milhões Luciane Evans – Publicação: 02/07/2012 06:28 Atualização: 02/07/2012 18:06   Psicólogos estão preocupados com o grande número de alunos que usam remédios em Belo Horizonte Estão prestes a estourar no Brasil as sequelas de um surto mundial silencioso que, aqui, tem tido como…

Leia mais >>

THE NEW YORK TIMES: A ascensão da pílula da boa-nota ( Folha de S.Paulo ) – Jornalista: ALAN SCHWARZ

25/06/2012 – Nas escolas de segundo grau dos EUA, a pressão por boas notas e a concorrência por vagas em universidades estão incentivando estudantes a abusar de estimulantes vendidos com receita médica. Os adolescentes dizem que obtêm os estimulantes de amigos, os compram de traficantes, também estudantes, ou falsificam sintomas para que médicos lhes dêem receitas médicas. “Isso acontece em todos os colégios particulares daqui”, comentou a psicóloga nova-iorquina DeAnsin Parker, que atende adolescentes de bairros de alto padrão como o Upper East Side de…

Leia mais >>