Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade Fórum – Página: 3 – Fórum Sobre Medicalização da Educação e da Sociedade

Category Archives: Fórum

Direto de Salvador – Bahia

O Núcleo Bahia marcou presença no Desfile do Dia 2 de Julho. A comemoração do dia 2 de Julho é uma celebração da separação definitiva do Brasil do domínio de Portugal, em 1823. Independência conquistada através de muitas lutas.. Data significativa para a Bahia e para o Brasil… Diversos movimentos sociais, instituições, associações, sindicatos de diferentes áreas e setores marcam presença no desfile mobilizando toda a sociedade em relação a suas pautas de luta. O Núcleo Bahia do Fórum sobre medicalização da educação e da…

Leia mais >>

Mapeamento sobre compra e dispensação do medicamento cloridrato de metilfenidato nos municípios do Estado de São Paulo, 2012.

Luiz Tadeu Pessutto Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade O Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade, composto por mais de 40 entidades e profissionais das áreas de Educação, Saúde, Assistência Social dentre outras, realizou no ano de 2011 uma pesquisa a respeito da compra e dispensação do medicamento Cloridrato de Metilfenidato. Para tanto, os Conselhos Municipais de Saúde dos 645 municípios do Estado de São Paulo foram consultados, por meio de um questionário enviado por correio. O levantamento, de natureza quantitativa,…

Leia mais >>

VEJA COMO FOI II ENCONTRO “A QUEIXA ESCOLAR: MEDICALIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO E NA SAÚDE”

II ENCONTRO “A QUEIXA ESCOLAR: MEDICALIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO E NA SAÚDE” NA DEFESA INTRANSIGENTE E RADICAL DA VIDA! Aconteceu hoje, 20/06/12, no Auditório da Faculdade de Ciências Médicas da UNICAMP, com a presença de mais de 500 pessoas e transmissão online, o II Encontro sobre Queixa Escolar. O evento foi organizado pelo Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade/ Núcleo Campinas e Região, pelo CRPSP/subsede Campinas, pelo Departamento de Pediatria da FCM/Unicamp, CIPED/Unicamp e SADA/ Secretaria Municipal de Saúde de Campinas. Abriram o encontro…

Leia mais >>

Simpósio internacional, realizado em Salvador, debateu a medicalização da educação

Evento, considerado um sucesso, contou com público médio de 500 pessoas por palestra. Debates repercutiram na sociedade   Palestras internacionais, pesquisadores conceituados, debates em busca de alternativas a políticas públicas voltadas à educação e saúde e, de quebra, muita poesia, dança e a alegria contagiante do povo baiano. Este é apenas um pequeno recorte do que foi o “I Simpósio Internacional e I Simpósio Baiano Medicalização da Educação e da Sociedade: Ciência ou Mito?”, realizado no final de maio, no Centro de Convenções, em Salvador.…

Leia mais >>

Núcleo da Baixada Santista realiza Audiência Pública

No dia 30/05/2012 foi realizada na Câmara Municipal de Santos a Audiência Pública “Judicialização e Patologização da Infância e Adolescência na Baixada Santista”. Os debatedores Dr. Stefanis Caiaffo, psicólogo e professor da UNIFESP e a Dra. Maria Izabel Calil Stamato, psicóloga, professora e coordenadora do curso de psicologia da UNISANTOS, abordaram com brilhantismo aspectos relevantes sobre o tema. A contenção social a que estão expostas as crianças e jovens, a deterioração das relações em todas as esferas da vida, onde não há mais lugar para…

Leia mais >>

Lei institui o Dia Municipal de Luta contra a Medicalização da Educação

O Executivo sancionou a Lei nº 15.554, que institui o Dia Municipal de Luta contra a Medicalização da Educação, de autoria do vereador Eliseu Gabriel. A data ocorrerá sempre no dia 11 de novembro de cada ano e fica inserida no Calendário de Eventos da Cidade de São Paulo. O que é medicalização? Entende-se por medicalização o processo que transforma questões de diferentes ordens – política, social, cultura, afetiva – em ‘‘doenças’’, ‘‘transtornos’’, ‘‘distúrbios’’, como se fossem problemas médicos. O vereador Eliseu Gabriel faz parte…

Leia mais >>

Realizada a 1ª Reunião do Núcleo Irati (Centro-Sul/PR)

No dia 17/05, na Unicentro (Universidade Estadual do Centro-Oeste/Campus Irati-PR), foi realizada a primeira reunião do Núcleo Irati, que contou com a presença de 19 pessoas, sendo professores dos departamentos de Psicologia e Fonoaudiologia da Unicentro, representantes do Núcleo Regional de Educação, Centro Acadêmico de Psicologia da Unicentro, da ABEP (Associação Brasileira de Ensino de Psicologia), pedadogas, acadêmicos de Psicologia, psicólogos e fonoaudiólogas egressos da Unicentro. Após a apresentação histórica da construção do Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade e da constituição do…

Leia mais >>

Audiência Pública – dia 30/05/2012

Audiência Pública JUDICIALIZAÇÃO E PATOLOGIZAÇÃO DA INFÂNCIA E JUVENTUDE NA BAIXADA SANTISTA Judicializar e Patologizar são transformar questões de ordem social, educacional, política, afetiva em “doenças individuais”. Nesse processo, que gera sofrimento psíquico, a criança ou adolescente são responsabilizados pelos problemas decorrentes, enquanto governos, autoridades e profissionais são eximidos de suas responsabilidades. Esta Audiência Pública é uma oportunidade para reflexão conjunta, na busca de novas possibilidades, outros olhares para os problemas na área da educação e saúde. Respeitando-se as diferenças e buscando novas soluções para…

Leia mais >>

Convite para a primeira reunião do Núcleo de Irati (Centro-Sul/PR)

A região do Núcleo de Irati foi definida pelos municípios referenciados a partir do Território Centro-Sul do Paraná, definido pela AMCESPAR (Associação dos Municípios da Região Centro-Sul do Paraná) que abrange 11 municípios: Irati, Fernandes Pinheiro, Guamiranga, Inácio Martins, Ipiranga, Mallet, Prudentópolis, Rebouças, Rio Azul, Teixeira Soares e Imbituva. A região Centro-Sul totaliza, aproximadamente, 226.000 habitantes. Vale destacar que estes municípios também são contemplados pelas regiões do Núcleo Regional de Educação, da 4ª Regional de Saúde e da Regional de Assistência Social. Definida a região…

Leia mais >>

Confira os vídeos do II Seminário

O FÓRUM SOBRE MEDICALIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO E DA SOCIEDADE disponibiliza os vídeos II Seminário Internacional “A Educação Medicalizada: Dislexia, TDAH e outros supostos transtornos” – Novas capturas, antigos diagnósticos na “Era dos Transtornos”, realizado nos dias 11, 12, 13 a 14 de novembro de 2011, na UNIP – Campus Paraíso – Rua Vergueiro, 1211 – Paraíso – São Paulo/SP – Brasil. A finalidade do seminário é Divulgar e discutir controvérsias científicas acerca do diagnóstico e tratamento de supostos transtornos de aprendizagem, tendo como pano de…

Leia mais >>

Núcleo de Irati (Centro-Sul/PR): um breve histórico

O Fórum sobre a Medicalização da Educação e da Sociedade foi organizado durante o “I Seminário Internacional A Educação Medicalizada: dislexia, TDAH e outros supostos transtornos” – evento realizado em novembro de 2010 na cidade de São Paulo. Ao final do evento, foi gerado o Manifesto de lançamento do Fórum, expondo seus objetivos, diretrizes e propostas de atuação.O Fórum tem como objetivos articular entidades, grupos e pessoas para o enfrentamento e superação do fenômeno da medicalização, bem como mobilizar a sociedade para a crítica ao…

Leia mais >>

Núcleos pelo Brasil

  – Núcleo do Rio de Janeiro Em breve mais informações. – Núcleo da Bahia O debate sobre a medicalização da educação e da sociedade vem acontecendo na Bahia desde 2008, por ocasião do ano da educação no Sistema Conselhos de Psicologia. Naquele contexto, o Marcondes Machado, a pedagoga Cecilia Collares Grupo de Trabalho Psicologia e Educação do CRP-03 (BA/SE) organizou um evento, convidando a psicóloga Adriana e médica Maria Aparecida Affonso Moysés para comporem a mesa redonda intitulada “A produção de novos olhares sobre…

Leia mais >>

Medicalização

A medicalização tem sido alvo de grande preocupação, gerando muitos debates, ações frente ao poder público e articulação com os conhecimentos acadêmicos. Entendemos por medicalização o processo em que as questões da vida social, sempre complexas, multifatoriais e marcadas pela cultura e pelo tempo histórico, são reduzidas à lógica médica, vinculando aquilo que não está adequado às normas sociais a uma suposta causalidade orgânica, expressa no adoecimento do indivíduo. Assim, questões como os comportamentos não aceitos socialmente, as performances escolares que não atingem as metas…

Leia mais >>